O documentário “Via Panam”, que foi gravado durante uma viagem pelo continente Latino-americano entre os anos de 2015 e 2016, trata do tema da equidade de gênero na região. A obra apresenta entrevistas com estudiosos de diferentes países, e mulheres que compartilham suas vivências.
 
O filme surgiu de um projeto da jornalista Isabella Bono, que resolveu aliar sua paixão por viagens e seu interesse pelos temas de gênero para realizar seu trabalho de conclusão de curso da Universidade de São Paulo. A viagem teve início em fevereiro de 2015 no Sul do Chile, e o trajeto seguiu até o Peru e a Colômbia. Além disso, foram realizadas gravações no Brasil e com imigrantes bolivianas.
 
O documentário conta com entrevistas de estudiosos, ativistas, membros de instituições públicas, entre outros, que tratam da situação da mulher nas mais diversas áreas: família, participação na história do continente, política, violência, sexualidade etc.
 
Além disso, o filme apresenta experiências pessoais de mulheres que ilustram em suas histórias como a desigualdade de gênero afeta a qualidade de vida das mulheres latino-americanas. Esses depoimentos tornam a questão de gênero muito mais tangível e próxima à realidade das pessoas que assistam ao vídeo.
 
O “Via Panam” tem por objetivo sensibilizar a sociedade quanto à importância de estudar e debater como a desigualdade de gênero afeta nosso desenvolvimento como sociedade.